Pular para o conteúdo

Duas pessoas e uma criança de sete anos foram atingidas em um tiroteio ocorrido no Morro São Sebastião,  na madrugada desta segunda-feira(23), região do Polo Coroadinho.

Um senhor de aproximadamente 33 anos morreu no local. A criança de sete anos foi atingida e levada ao Socorrão I, mais não resistiu aos ferimentos e veio a óbito. Outra vítima do tiroteio foi uma senhora que também foi conduzida à unidade de sáude e inspira cuidados médicos.

Segundo informações, homens encapuzados chegaram em um veículo atirando para todos os lados, sem motivo algum.

Com isso sobe para quatro assassinatos no Coroadinho em apenas 72 horas. Moradores já estão em estado de pânico com a onda de crimes ocorrido nos últimos dias.

Um homem ainda não identificado foi brutalmente assassinado no início da tarde de hoje(21), na rua do Coqueiro no bairro do Coroadinho. Segundo informações a vitima estava trabalhando (vendendo sururu), naquela região.

A informação que se tem é que dois homens se aproximaram da vítima, o chamaram e ao se virar para ver quem era, foi logo atingido com vários disparos na cabeça. O vendedor informal teve morte instantânea, e os assassinos fugiram do local como se nada houvesse acontecido.

Ninguém soube informar o motivo pelo qual o trabalhador teve a sua vida ceifada dessa maneira. A policia vai realizar investigações no afã de prender os autores deste crime bárbaro.

Vale lembrar que ontem(20), houve outro homicídio naquele bairro, e a ordem que se aplica aos moradores é a "lei do silêncio".

Dois assaltantes ainda não identificados, foram presos ontem(20), por policiais do GTM da 1ª Cia do 8ºBPM. os bandidos vinham cometendo vários assaltos na região do Conj. Parque Vitória. Eles cometiam os assaltos em uma motocicleta roubada e de posse de uma arma de fogo, colocavam verdadeiro pânico em suas vítimas.

Os moradores do Pq. Vitória já andavam sobressaltados com a onda de assaltos que os dois vinha realizando no bairro. O interessante é que eles realizavam os crimes com fardamentos do supermercado Mateus. Agora como diz a gíria "A casa caiu pra eles", foram presos e levados à delegacia para prestar depoimentos ao delegado de plantão.

 

Em uma gravação de vídeo, um dos chefes da facção criminosa do Primeiro Comando da Capital (PCC) exige a retirada dos integrantes do grupo rival Sindicato do Crime da penitenciária de Alcaçuz, em Nisia Floresta (Grande Natal).

Somos criminosos, não moleques", diz o líder do PCC, que ameaça trazer "guerra às ruas" caso pedido não seja cumprido.

Segundo informações do UOL, no comunicado, os integrantes do PCC explicam as intenções do grupo responsável pela morte de 26 detentos, no último sábado (14), dentro presídio.

Tire todos os Sindicato [sic] da unidade de Alcaçuz, ou essa guerra vai se estender na rua e em outros demais Estados do Brasil contra os órgãos públicos, policiais de todas as categorias", ameaça a facção.

Até agora, 220 presos do Sindicato do Crime já foram transferidos para outros presídios, contudo, ainda há outros 500 integrantes ligados ao grupo no local.

Existem vários pedidos protocolados, documentos em anexo, que se encontram na mão do secretário de segurança e do secretario do sistema prisional, que não quis [sic] nos separar. Já era para estarmos separados desde o último confronto ocorrido em Caicó", afirma.

Em resposta, o governador Robinson Faria (PSD) disse que "não negocia com facções".

1

Vera Lucia momento após ter sido flagrada com maconha em presídio em Balsas

Uma mulher identificada como Vera Lucia Alves Coelho, 29 anos foi presa no último domingo, (15) quando tentava entrar com droga  na Unidade Prisional de Ressocialização, (UPR) na cidade de Balsas.

Ela iria fazer visita e entregar a droga para um detento naquela unidade prisional, mais ao realizar o procedimento de revista, feito por funcionários do presídio, constataram que a mesma teria em suas partes íntimas um preservativo (camisinha) contendo erva seca picada, supostamente maconha.

Ao ser presa ele confessou que entregaria a droga para o detento Isaías Veloso Monteiro, que esta recolhido naquela unidade. Vera Lucia foi encaminhada para a delegacia onde foi autuada em flagrante por tráfico de drogas.

Uma tentativa de fuga de presos foi registrada em uma das unidades do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, ontem(15),  pouco dez detentos não conseguem escapar de uma das celas da Unidade Prisional de Ressocialização (UPR).

Equipes de segurança evitaram a fuga depois de descobrirem um buraco aberto pelos presos na área da triagem. De imediato o local foi isolado e os presos que tentaram a fuga irão responder um procedimento disciplinar.

 

Diante de toda a crise instalada no sistema prisional do país, o secretario de Administração Penitenciária do Estado do Maranhão, Murilo Andrade assegura que não há com que se preocupar com a aparente "calma" no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.

Um homem foi  executado na manhã deste sábado(14), próximo a feira do peixe localizada no Bairro de Fátima. A vítima após ser atingido por dois disparos de arma de fogo na cabeça veio a óbito no local.

A vítima foi identificada apenas como "tiaguinho" e possivelmente era morador daquela região. Ao ser morto, ele transitava em uma bicicleta cargueira.

Segundo populares, os autores dos dispares se evadiram do local. A equipe de remoção do serviço do Instituto Médido Legal - IML, foi acionada para a retirada do corpo do local.

Em Santa Inês, na BR 316 Km 265, por volta das 03h30, no Posto de combustíveis Magnolia 7 foi tomado de assalto a carreta MAN TGX de cor branca de placas QEH4540 (reboque QEM3460) carregada de cerveja.

O veículo seguia de Caxias/MA para a cidade de Belém/PA. Não conseguindo manobrar o veículo para adentrar em via de estrada de chão, o veículo foi abandonado, juntamente com a carga, no km 247 da BR 316, área da reserva indígena Guajajaras.

O motorista não soube informar quantos elementos o renderam no pátio do Magnólia 7, nem o veiculo que utilizaram, por conta de ter sido encapuzado.

Segundo o motorista os bandidos pareciam ser de outro Estado, por conta do sotaque.

Ocorrência atendida pela equipe de PRFs da UOP de Santa Inês.

Fonte: Blog Luis Cardoso

Uma operação da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC) e das Delegacias Regionais de Viana e Santa Inês, 11 homens foram presos. A quadrilha é responsável pela explosão de agência bancária da cidade de São Mateus.

O assalto ocorreu no dia 15 de dezembro do ano passado. Com os acusados foram apreendidos, um rifle ponto 44, um colete balístico e duas escopetas calibre 12.

Foram presos, Torquato Cidreira Silva, Adriana Costa Andrade, Luís Carlos Rocha Mendonça, Elionaldo Rocha Mendonça, Erbson Pinheiro Ribeiro, Jean Ferreira Magalhães, Raimundo Cicero Santos Bezerra, Wanderson Ramon Granja Pereira, Adnaldo Alves Pereira, Ezequias Narcisio Silva, Adailton Lobo.

Todos os envolvidos no crime tem passagens pela polícia pelos crimes de homicídios, roubo qualificado, porte ilegal de arma de fogo, receptação e formação de quadrilha.

De acordo com informações policiais, no dia do crime, os moradores da cidade ficaram assustados durante a explosão da agência. Ainda não há informações sobre a quantia roubada.